cultos domingo e sexta
Barra, Recreio e Rio 2
Como Chegar
Assine nosso canal no Youtube
Curta nossa página no Facebook
Siga-nos no Twitter

QUEM SOMOS

Uma igreja sólida

Nossos princípios são sólidos e inegociáveis. Somos submissos ao querer de Deus e obedientes à Sua vontade.

Uma igreja unida

Plantada pela Catedral Presbiteriana do Rio de Janeiro, e liderada pelo Reverendo Haveraldo Vargas Junior, a Igreja Presbiteriana das Américas abraça junto a mesma causa. Há uma razão linda que nos aproxima. Fomos chamados por Deus com uma missão.

Uma igreja do seu tempo

Uma Igreja tem sempre a mesma vocação principal, o que diferencia é o contexto em que ela está inserida, que pode mudar a linguagem e a urgência de determinadas marcas. Nem toda igreja precisa ser igual. Precisa ser diferente. Não por ser, mas porque cada um se difere do outro, por mais que se pareça em muitas áreas. Uma igreja precisa ser moderna. Uma igreja com linguagem para o seu tempo e para seu povo. Cada grupo tem seu dialeto e seus temas. Eles até se compreendem entre os grupos, mas na maior parte do tempo, falam o que seus iguais entendem e os diferentes, nem sempre.

Uma igreja missionária

Na Igreja das Américas, missão não é parte da programação, é a essência. Antes do nosso primeiro culto, três perguntas foram lançadas e respondidas: 1. Como são seus amigos não cristãos na Grande Barra? 2. Que questões mais inquietam seus amigos não cristãos na Grande Barra? 3. Como atender às necessidades dessas pessoas e ainda ser uma igreja solidamente bíblica? Essas perguntas nos levaram a olhar para fora e a pensar naqueles ainda não alcançados. As respostas geraram um resultado riquíssimo e uma profunda reflexão, que tem norteado a nossa ação. Desde lá muitos foram alcançados, e ainda outros serão.

Uma igreja servidora

Servimos porque somos abençoados continuamente pelo Senhor. Servimos porque Ele nos amou quando não éramos amáveis. Servimos por gratidão ao nosso Deus maravilhoso. Tudo que fazemos é nada diante de tudo que dele recebemos. Jesus não veio para ser servido, mas para servir, como está registrado em Mateus 20.28. Por estas e muitas outras razões, queremos servir sempre, e com muita alegria. Louvamos a Deus pelo privilégio de servirmos ao Senhor que mudou a nossa história e nos deu uma nova razão para viver.

Uma igreja em diversos lugares

A Igreja das Américas ganhou mais dois endereços. Além de nos reunirmos dominicalmente na Union Church, o Senhor abriu duas novas portas, no Recreio e na Barra da Tijuca, no Condomínio Rio 2. Aprendemos a viver em obediência e assim estamos entrando por essas portas, com alegria e ações de graças. O Instituto Marcos Freitas, uma escola reconhecidamente cristã, nos acolhe em suas dependências no Recreio desde dezembro de 2012. No Rio 2, estamos dentro da Capela Ecumênica do Condomínio, a partir de 25 de janeiro de 2013. Continuaremos na Union e também nos reuniremos no Recreio e no Rio 2. A mesma Igreja Presbiteriana das Américas se encontrará nesses três endereços. A Américas Recreio e a Américas Rio 2 não são igrejas para os membros da Igreja das Américas que moram no Recreio ou no Rio 2, mas novas igrejas para alcançar os ainda não cristãos que vivem nessas regiões. Evidentemente, quem desejar frequentar a Igreja das Américas Recreio ou a Igreja das Américas Rio 2 o fará com liberdade e alegria. Nosso foco é a evangelização e o crescimento do número dos que abraçam a fé em Jesus Cristo.

MARCAS DO NOSSO DNA

Comunhão leia sobre comunhão

Comunhão é um estado de forte empatia mútua em que seus sentimentos vão além de ser importantes para mim – eles me modificam. O relacionamento com o outro é um fim em si mesmo. Quanto mais forte é o nosso relacionamento com uma pessoa, mais abertos e atentos a ela seremos.

No Corpo de Cristo, há lugar para diversidade dos dons e dos servos. O Corpo de Cristo é o lugar onde há lugar para você, é onde o ser humano é valorizado como gente, onde se importa como pessoa, com suas marcas e características. No Corpo de Cristo, com esta diversidade de dons e servos, todos são importantes e merecem respeito e cuidado.

Componentes geradores de comunhão.

1. Aceitar a Palavra - João 16:8 e Atos 13.48

2. O batismo é cumprimento da ordenança de Cristo – veja Mateus 28.18 a 20.

3. Doutrina dos Apóstolos – cumprindo o: ensinando-os a guardar todas as coisas que vos tenho ensinado, disse Jesus. O termo doutrina refere-se à mensagem além do convencional, além dos discursos. Eram esses ensinamentos que regiam o cristianismo.

4. Comunhão no partir do pão - Todas as vezes que se repete o partir lembra-se da morte de Jesus. É uma maneira de se manter grato e fiel ao princípio. O perdão dos pecados é celebrado, assim como o sacrifício do Senhor Jesus Cristo.

5. Nas orações – a oração sempre foi referida na Bíblia. Jesus sempre orou muito em seu ministério. Ele ensina sobre oração em Mateus 6.

Estes elementos podem unir diferentes pessoas numa só fé tornando-as, apesar das diferenças, irmãs.
Missões leia sobre Missões
A missão do povo de Deus é fazer missões

A Grande Comissão

"Jesus, aproximando-se, falou-lhes, dizendo: Toda a autoridade me foi dada no céu e na terra. Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-os a guardar todas as coisas que vos tenho ordenado. E eis que estou convosco todos os dias até a consumação do século." Mateus 28. 18 a 20

Missões começam com a busca de Deus

“A luz do rosto de Deus pode ser uma referência, ou ao senso de seu amor derramado em nossos corações, ou à manifestação atual e externa dele; como, em contrapartida, se pode dizer que ele encobre seu rosto quando lança seus terrores em nossa consciência em virtude de nossos pecados, ou subtrai os sinais externos de seu favor” – Calvino.

Misericórdia e Justiça leia sobre Misericórdia e Justiça

Paulo escreveu aos Gálatas 5: 15 – “Se vós, porém, vos mordeis e devorais uns aos outros, vede que não sejais mutuamente destruídos”. A forma como lidamos com nossos irmãos revela o tipo de relacionamento que temos para com Deus. Há pessoas que se pudessem acabariam com as outras, destruindo-as aos poucos somente para vê-las sofrer. É o que chamam de tortura. Uns batem. Outros ferem. Ferem com palavras. Ferem com o silêncio. Sabem ignorar, fritar aos poucos. E são capazes de fazer isso com os próprios irmãos. Pessoas pelas quais o Senhor Jesus morreu. Por quem Ele deu sua vida. E assim o fez por amor, a fim de que vivêssemos de acordo com Gálatas 5:14 e 15 “Porque toda a lei se cumpre em um só preceito, a saber: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Se vós, porém, vos mordeis e devorais uns aos outros, vede que não sejais mutuamente destruídos”.

“Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão fartos.” Mateus 5.6

A Palavra de Deus leia sobre a Palavra de Deus
A Palavra de Deus é a nossa referência

A Palavra do Senhor é a regra, é o referencial - quem não a conhece fica dominável. O Senhor Jesus disse: “Errais não conhecendo as Escrituras, nem o poder de DEUS” (Mt 22.29).

Em Atos 17.11, Lucas refere-se como nobres aos crentes de Bereia - “... pois receberam a Palavra com toda a avidez, examinando as Escrituras todos os dias para ver se as cousas eram de fato assim”.

O Senhor Jesus disse: “Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, esse é o que ama; e aquele que me ama, será amado por meu Pai, e eu também o amarei e me manifestarei a ele” (João 14.21).

O Salmo 119.105 conta: “Lâmpada para os meus pés é a tua palavra e, luz para os meus caminhos”. Romanos 10. 13 a 15 registra: “Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo. Como, porém, invocarão aquele em quem não creram? E como crerão naquele de quem nada ouviram? E como ouvirão se não há quem pregue? E como pregarão se não forem enviados? Como está escrito: Quão formosos são os pés dos que anunciam coisas boas!”

Como chegar

Saiba mais sobre nós
nas Redes Sociais

Igreja Presbiteriana das Américas no Youtube
Igreja Presbiteriana das Américas no Facebook
Igreja Presbiteriana das Américas no Twitter
Igreja Presbiteriana das Américas no Orkut